Posts Tagged "java"

Java 7 U11 + Firefox 18 + Banco do Brasil

Nos últimos dias uma notícia correu o mundo da computação com uma falha de segurança do software Java 7, que permitia uma série de comandos utilizando o sistema. Uma atualização saiu para conter o problema só que a própria Oracle disse que o sistema não é confiável 100%. Depois da atualização tentei por diversas vezes entrar no site do Banco do Brasil e não consegui acessar. Sempre aparecia no topo da página uma mensagem dizendo que o plugin não estava instalado. No entando entrando em complementos verificava que o plugin estava instalado. Para resolver este problema entre no painel de controle do Windows, escolha Programa e Recursos e desistale qualquer software do Java FX 2.X.X. Pronto. Abra o navegador, vá em um site que precise do Java e ele estará funcionando novamente. Que bagunça da Oracle….

Mais um comentário excepcional…

Mais um código com comentário incrível dos desenvolvedores que trabalham comigo. Desta vez estava copiando um projeto do SVN e notei essa “pérola”:

/***
* Método de encriptação com resultado duvidoso.
* Não sei se funciona mas na internet o cara do site disse que sim
* O professor ainda não reclamou
* @param palavra, codigo, status
* @return String
*/

Agora reclamei Ítalo!!! Prepare para fazer páginas HTML até o final do contrato

Onde foi que eu errei…. 🙁

Oracle quer monetizar a JVM

De acordo com o site The Register, a Oracle vai oferecer dois tipos da Máquina Virtual Java (JVM) com base no projeto OpenJDK – uma livre e outra paga. Adam Messinger, vice-presidente de desenvolvimento da Oracle, disse na  QCon que a Oracle planeja oferecer uma versão “premium”  do JDK, além do JDK open-source. Sei que Java tem seus pontos fortes e fracos, mas o que sempre marcou foi a possibilidade da portabilidade, com essa versão paga como ficará os projetos open-source? Ainda não tem nada definido, mas que de alguma forma irá prejudicar sistemas livres. Se lembram da RedHat?

Um conselho aos alunos, aprendam Ruby e Python.

Recuperar senha glassfish

Esta semana o pessoal do SIEP foi utilizar o ambiente do Glassfish porém, não lembravam da senha do gerenciador, aparecendo a seguinte tela:

A solução foi recuperar a senha do glassfish, que por sinal não tem essa opção, então o que os desenvolvedores fizeram foi criar a senha em outro domínio e copiar a configuração para o domínio ativo.

Ambiente: Prompt do Sistema – Windows Vista

Apesar de ser Windows, os mesmos passos se aplicam ao Linux, apenas fazendo as modificações dos arquivos necessários:

1º) Criar backup da configuração do .asadminpass:

C:\Users\”usuario do sistema”>copy .asadminpass asadminpass.backup

2º) Criar backup do domain1 (coloque o diretório onde está instalado o Glassfish):

C:\Users\”usuario do sistema”>cd c:\glassfish

C:\glassfish>cd bin

C:\glassfish\bin>asadmin.bat backup-domain domain1

Vai aparecer as seguintes mensagens

Successfully backed up the domainDescription: 1289221360716
Backup Filename: C:\glassfish\domains\domain1\backups\sjsas_backup_v00001.zip
Date and time backup was performed: Mon Nov 08 10:02:40 GMT-03:00 2010
Domains Directory: C:\glassfish\domains
Domain Directory: C:\glassfish\domains\domain1
Domain Name: domain1
Name of the user that performed the backup: “usuario do sistema”

3º) Criar um novo domínio:

C:\glassfish\bin>asadmin.bat create-domain – -adminport 4848 domain2

Atenção as mensagens:

Please enter the admin user name>admin
Please enter the admin password> “coloque uma senha”
Please enter the admin password again> “coloque uma senha”
Please enter the master password [Enter to accept the default]:>
Please enter the master password again [Enter to accept the default]:>
Using port 4848 for Admin.
Using default port 8080 for HTTP Instance.
Using default port 7676 for JMS.
Using default port 3700 for IIOP.
Using default port 8181 for HTTP_SSL.
Using default port 3820 for IIOP_SSL.
Using default port 3920 for IIOP_MUTUALAUTH.
Using default port 8686 for JMX_ADMIN.
Domain being created with profile:developer, as specified by variable AS_ADMIN_PROFILE in configuration file.
The file in given locale [pt_BR] at: [C:\glassfish\lib\install\templates\l ocales\pt_BR\index.html] could not be found. Using default (en_US) index.html instead.
Security Store uses: JKS
Domain domain2 created.

4º) Vá para os diretórios de domínios

C:\glassfish\bin>cd ..

C:\glassfish>cd domains

C:\glassfish\domains>dir
domain1  domain2

C:\glassfish\domains>cd domain2\config

5º) Copie os arquivos de configuração de domain2 para domain1:

C:\glassfish\domains\domain2\config>copy cacerts.jks ..\..\domain1\config /Y

C:\glassfish\domains\domain2\config>copy admin-keyfile ..\..\domain1\config /Y

C:\glassfish\domains\domain2\config>copy keyfile ..\..\domain1\config /Y

C:\glassfish\domains\domain2\config>copy keystore.jks ..\..\domain1\config /Y

6º) Inicie o serviço com a nova senha já habilitada:

C:\glassfish\domains\domain2\config>cd ..\..\domina1\bin

C:\glassfish\domains\domain1\bin>startserv.bat

Pronto! Agora é só abrir o navegador e digitar o comando http:\\localhost:4848, digitar a nova senha cadastrada anteriormente e mudar a senha no Gerenciador se necessário, conforme figura abaixo:

Revista Easy Java

A editora da revista Java Magazine lançou uma versão online gratuita só com artigos para iniciantes.
A primeira edição está disponível neste endereço:

http://www.devmedia.com.br/post-18452-Revista-Easy-Java-Magazine-1.html

Recomendo para os alunos de Linguagem Orientada a Objetos e aos alunos dos primeiros períodos.

Abraços

Java – O filme

Java plug-in + Linux

Recebi por e-mail, da lista Dicas-L, uma informação bem legal sobre como usar o Java plug-in no Firefox para acessar sites como o do Banco do Brasil. Porém nunca gostei dessa solução que se baseia em instalar o pacote da Canonical do sun-java. Motivado principalmente por causa que trabalho muito com programação java e essa pacote acaba causando algumas incompatibilidades com o JDK, como o javac e o próprio arquivo java, além de não manter uma atualização de segurança sempre que a Sun lança novas versões.

Se você gosta de trabalhar com Java e detesta o pacote da Canonical sun-java, aqui vai uma dica bem legal para você manter seu ambiente de programação redondinho e ainda o plug-in do java nos navegadores baseado no mozilla.

1º) Apague o pacote gij que é o responsável pela bagunça no Ubuntu. Vá no Synaptic, procure o pacote e mande remover. Caso não consiga apagar, pois ele é necessário para a execução do Open Office, uma outra solução é manter ele e matar os seus links simbólicos. Através do comando:

rm -rf /etc/alternatives/java*

Dessa forma você apaga os links para os executáveis. Também aproveite para apagar qualquer pacote sun-java do sistema operacional.

2º) Baixe o binário do JDK da Sun/Oracle. Lembrando que é o binário e não o rpm que eles também dão a opção de download.

3º) Salve o arquivo em alguma pasta que seja fácil a organização. No geral todos os pacotes de desenvolvimento salvo no diretório /opt, pois dessa forma fica fácil organizar os backups semanais. Execute os seguintes comandos:

cd /opt
chmod +x jdk-6ux-linux-i586.bin
./jdk-6ux-linux-i586.bin

Após a instalação renomeie o diretório do jdk no /opt, dessa forma fica mais fácil futuras atualizações.

mv /opt/jdk1.6.0_xx /opt/jdk

4º) Agora set o JAVA_HOME e coloque os binários no PATH do sistema:

sudo gedit /etc/profile

Inclua no final do arquivo as seguintes linhas

export JAVA_HOME=/opt/jdk
export PATH=$PATH:$JAVA_HOME/bin

Inclua as mesmas linhas acima no arquivo /etc/bash.bashrc

5º) Para colocar o plug-in no Firefox:

cd /usr/lib/mozilla/plugins
sudo ln -s /opt/jdk/jre/lib/i386/libnpjp2.so .

6º) Inicialize o Firefox (ou outro navegador que usa o mozilla) e digite na barra de endereços:

about:plugins

Vai aparecer na lista o pacote do Java.

Agora você pode utilizar sites que utilizam java em suas configurações. Caso a Sun/Oracle libere alguma versão de segurança, basta baixar o arquivo novo do JDK para a pasta /opt, execute o passo 3 acima e pronto, seu pacote java estará atualizado e antes que a Canonical lance uma versão do pacote sun-java novo.

Rally de desenvolvimento

Competição Java premiará os melhores


Pela: Especializa Treinamentos
Rally de desenvolvimento será lançado em todo o Brasil e apresentará desafios para arquitetos, desenvolvedores e universitários
O Rally Java EE Open Source é a primeira competição nacional voltada para incentivar o desenvolvimento de projetos Open Source que abrange todos os perfis de profissionais da TI.
A idéia do movimento é desafiar os profissionais e possibilitar sua projeção no mercado. Além disso, eles terão a oportunidade de ampliar seus conhecimentos em diversas ferramentas Open Source e ainda ganhar prêmios valiosos.
Dividida em três categorias distintas – arquiteto, desenvolvedor e universitário -, a competição vai premiar os melhores em cada categoria. Entre os prêmios estão: uma viagem de sete dias com acompanhante, notebooks, Playstation 3 acompanhado de TV LCD 42”, iPods, vouchers para certificação Java e assinaturas da revista Java Magazine.
O lançamento oficial será em abril e as inscrições estarão abertas de 1º de maio a 30 de junho. Após se inscrever, o participante terá três meses para desenvolver seu projeto e submeter à comissão julgadora. O resultado dos melhores será divulgado em outubro na revista Java Magazine, apoiadora institucional da competição.
Já a entrega dos prêmios e medalhas será realizada dia 23 de outubro, em São Paulo, e os selecionados terão as despesas pagas pela organização para participar do evento. Nesta ocasião, eles apresentarão suas soluções à Comissão Julgadora que escolherá o vencedor de cada categoria. Além dos prêmios e medalhas, o primeiro lugar de cada categoria também terá a divulgação do seu mini-curriculo na revista Java Magazine.
Aguarde o lançamento oficial e acompanhe as informações no site da competição www.rallyjavaeeopensource.com.br. Leia também dicas mensais de desenvolvimento na revista Java Magazine.
Participe das comunidades do Rally Java EE Open Source no Orkut, Facebook ou siga-nos no Twitter. Além disso, pedimos que, por gentileza, divulguem esses links para pessoas de TI da sua rede de contatos.